Ramon Kayo

Newsletter


Entusiasta dos pequenos negócios, mantém um pequeno negócio de desenvolvimento de sites e um espaço de coworking. Compartilha ideias de como ser mais criativo e produtivo.

Ramon Kayo

Uma vida mais minimalista

Tudo que entra na sua vida traz uma série de responsabilidades

Ramon KayoRamon Kayo

Há alguns anos, enquanto conversava com um amigo, percebi o quão importante é gerenciar nossas responsabilidades, prestar atenção no que entra em nossas vidas e se desfazer de algumas coisas. Ainda que eu não soubesse na época, essa era uma conversa sobre a importância de se levar uma vida mais minimalista.

Pense nisso: tudo que entra na sua vida vem com um monte de responsabilidades. Quando você ganha um livro, por exemplo, você vai ter que lê-lo, avaliá-lo, aprender algo com ele, arrumar um lugar para guardá-lo e mantê-lo limpo. Ou seja, um simples livro, quando entra na sua vida, traz uma série de responsabilidades. Isso porque é só um livro. Quando você se compromete com um sonho ou cria laços com alguém, as responsabilidades são infinitas e exponencialmente maiores.

Os homens esqueceram essa verdade, mas tu não a deves esquecer. Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas. Tu és responsável pela rosa…— A raposa em O Pequeno Príncipe

E as responsabilidades são um fardo. A cada nova responsabilidade, você tem que dividir sua energia mais uma vez para dar conta da novidade. A cada nova compra, a cada novo projeto, a cada novo compromisso, você fica com menos foco para cuidar de cada uma das suas coisas. Como nunca pensamos sobre isso, vamos adquirindo mais e mais responsabilidades, sem avaliar se deveríamos. De repente, tudo parece ser mais cansativo do que deveria ser.

A má notícia é que nenhuma responsabilidade é opcional. Não há como se livrar das responsabilidades sem se desfazer das coisas, sem desistir dos sonhos e sem se afastar das pessoas. A boa notícia é que você tem o poder de escolher o que entra, o que fica e o que sai da sua vida. Você deveria refletir sobre isso porque são as suas responsabilidades que vão trazer o seu destino. Cuide bem de um projeto e ele te renderá reconhecimento, cuide mal de um filho e ele escreverá as piores páginas da sua história.

Sendo assim, o meu conselho é: considere levar uma vida mais minimalista.

Minimalismo é a ideia de que você deve se desfazer de algumas coisas para cuidar melhor do que realmente é importante. Aliás, é antes de tudo escolher o que é importante. Algumas roupas você nunca vai usar, alguns livros você nunca vai ler, alguns projetos você nunca vai executar e algumas pessoas não te fazem bem. E desfazendo-se do excesso, sobra energia para investir nas coisas que você realmente ama.

Ser minimalista é se apaixonar por algo e dedicar-se a isso. É levar a sério as poucas responsabilidades que escolheu. É diminuir para fazer algo grande. Então, mais uma vez: considere levar uma vida mais minimalista.

 

Entusiasta dos pequenos negócios, mantém um pequeno negócio de desenvolvimento de sites e um espaço de coworking. Compartilha ideias de como ser mais criativo e produtivo.